Como aprender expressões idiomáticas?

Estuda inglês mas tem dificuldade? Não sabe se seus estudos
estão surtindo efeito? Está na hora de você tentar o Inglês na Rede.

Tudo o que você precisa para colocar seu
inglês em prática e atingir fluência.

Experimente gratuitamente agora!

Aprender expressões idiomáticas não é tão fácil quanto parece. Primeiro, você está tentando aprender algo que pode ou não está sendo usado pela população nativa, já que as expressões “nascem” e “morrem” constantemente.

Segundo, os falantes do idioma criam quase que diariamente novas expressões, geralmente baseado no que está “trending” no momento. Trending, no popular, seria o que está bolando, o que é popular.

Observe, por exemplo, a enxurrada de idioms que foram criadas de uns meses para cá no Urban Dictionary, com a palavra Trump, fazendo referência ao presidente dos EUA, Donald Trump.

Abaixo segue algumas expressões que foram criadas recentemente. Lembre-se que esses idioms não são antigos, são expressões criadas no momento atual, baseado apenas em popularidade. Não temos garantia nenhuma que tais expressões serão usadas daqui há 50 anos, nem muito menos se qualquer faltante nativo irá entender, já que são recentes.

 

Por isso, você deve usá-las com cuidado. Sempre analisando o contexto para que possam lhe entender. 🙂

 

 

No meio de um ambiente tão mutante, onde parece que não existe uma forma correta de se aprender, gravar ou usar as expressões que os falantes nativos costumam usar, nós estudantes de inglês acabamos ficando cada vez mais confusos e sem muita esperança. Mas a situação não é tão grave quanto parece. Aprender as expressões idiomáticas é possível e nem é tão complicado assim.

Esse é um dos motivos que decidir escrever esse artigo, pois quero compartilhar algumas dicas e formas que você pode usar para otimizar seu aprendizado dos idioms.

A meu ver, não existe atalho para o aprendizado, porém podemos tornar esse aprendizado mais atraente e até mesmo, fácil. Vejamos!

 

Expressão idiomática não é ciência exata

Não lembro qual foi o professor de inglês que falou isso, mas escutei uma vez que quando se trata de expressões idiomáticas, não se trata de lógica e sim de observar seu uso na prática.

Se você estiver procurando lógica, estude matemática, pois não encontrará muita estudando os idioms em inglês.

O ponto chave dessa dica é simples, expressões idiomáticas são as provas de que um idioma é vivo e mutante. Elas nos ensinam, sem querer, que não adianta gravar ou tentar memorizar, ou mesmo tentar seguir certas regras ou padrões, pois esse padrão não existe, exceto na mente das pessoas.

 

Coloque em prática as expressões idiomáticas

Esse é outro ponto interessante. Do que adianta você pegar listas e listas das expressões mais usadas em inglês, se não tiver oportunidade de colocá-las em prática?

A melhor maneira de você internalizar é usando e praticando com frequência. Isso significa que sempre que tiver oportunidade, faça uso das expressões que tem conhecimento.

Não sendo ofensiva, e se encaixando no contexto, está mais que certo em fazer o uso.

Cuidado ao usar as expressões em ambientes formais, tais como reuniões de trabalho. Principalmente se a expressão tiver conotação pejorativa.

 

Aprenda uma por vez

Isso mesmo, aprenda cada expressão idiomática separadamente, ao invés de aprender em grupos ou através de listas.

O problema que vejo em aprender com listas, está no fato de que você não irá gravar ou lembrar de todas expressões quando for de fato usá-las.

Seria a mesma coisa de tentar gravar os números dos contatos de seu celular em sua mente. Quando tentar ligar para aquele primo ou aquela tia que não fala há meses, você não irá lembrar do número deles. Terá então que procurar em sua agenda.

Porém, para aquelas pessoas que ligamos com frequência, como nossa mãe, namorado(a), esposo(a), etc, sempre temos em mente o número dessas pessoas, pois ligamos com frequência e temos também um vínculo emocional com eles.

 

Pesquise em dicionários especializados

Os dicionários de inglês ajudam bastante nessas horas. Porém, não são todos os dicionários que tem explicações sobre expressões idiomáticas.

Devido ao grande número de expressões e suas diferentes traduções e usos, existem dicionários específicos. Apenas com explicações sobre os idioms. Embora o mais famoso seja o Urban Dictionary, ele tem um grande problema para estudantes brasileiros ou para os estudantes que ainda não tem o domínio do inglês.

Para esses estudantes, segue alguns que recomendamos:

 

Para encerrar, quero dizer que aprender expressões idiomáticas é difícil, como aprender qualquer outro tópico em inglês. Seja gramática, phrasal verbs, pronúncia ou escrita.

O problema só começa quando tentar aprender como se fosse um robô, com listas e listas, achando que irá gravar essas listas e terá elas em mente na hora de usar. Essa é a parte mais difícil, até quase impossível.

Assim, recomendamos uma maneira mais fácil de aprender. Tirando a ideia que idioms é uma ciência exata, fazendo uso do dicionário sempre que necessário, colocando as expressões que aprende em prática e por último, não aprendendo com listas. Seguindo essas dicas, as chances de dominar as expressões serão bem maiores.

Se você tem uma forma diferente de estudar expressões idiomáticas, compartilhe na área de comentários. Aproveite também e publique os dicionários que usa para pesquisar os significados das expressões que estuda.

Bons estudos! 🙂

Assine nossa Newsletter

Se junte a outros estudantes de inglês iguais a você e assine a newsletter para receber
artigos do Almanaque, perguntas da Sala e ficar informado da publicação de novas dicas de inglês.
Envio Semanal.

Você precisa está logado para deixar um comentário. Ainda não é membro, faça parte, é gratuito! :D

Logar ou Experimente gratuitamente agora!