10 Falsos Cognatos em Inglês

Estuda inglês mas tem dificuldade? Não sabe se seus estudos
estão surtindo efeito? Está na hora de você tentar o Inglês na Rede.

Tudo o que você precisa para colocar seu
inglês em prática e atingir fluência.

Veja as vantagens de ser PRO

Antes de começar esse artigo, eu pergunto: Você sabe o que são as palavras cognatas?

Palavras cognatas são palavras que nascem de uma mesma raiz e apresentam a mesma origem etimológica. São palavras irmãs, que possuem grafias e significado semelhantes.

Exemplo

  • Problem – Problema
  • Different – Diferente
  • Material – Material
  • System – Sistema
  • Idea: Ideia
  • Potential – Potencial
  • Offensive – Ofensivo
  • Future – Futuro
  • Economy – Economia

 

Em oposição a tudo isso estão os falsos cognatos (ou false friends, em inglês). Ou seja, como o próprio nome já diz, são aquelas palavras cuja grafia e sonoridade até são parecidas com equivalentes em nosso idioma, mas que possuem significados bem diferentes.

São muitos os exemplos de falsos cognatos na língua inglesa, inclusive você pode encontrar alguns outros exemplos e muito mais sobre o assunto aqui no Blog Inglês na Rede.

Nesse artigo em específico, decidi separar alguns exemplos muito comuns e que mais confundem a cabeça dos aprendizes de inglês.

 

Parents

Vamos ser sinceros… Quando a gente escuta a palavra Parents, em qualquer situação, temos o costume de logo associá-la a parentesPorém, o sentido de Parents é outro, bem diferente.

Parents significa pais (mãe + pai)Ou seja, aqueles que nos procriaram.

Exemplo

The kid’s parents told me to stay away from them. – Os pais das crianças me disseram para ficar longe deles.

 

Já quando se pretende falar parentes/familiareso correto é usar relatives

Exemplo

I used to visit my relatives once a year. – Eu costumo visitar meus parentes uma vez por ano.

 

Pretend

Provavelmente esse é um dos falsos cognatos que, dependendo da situação em que está sendo empregado, pode gerar uma baita confusão se usado da forma errada, como em entrevistas de emprego, entrevista para visto, etc.

Pretend, ao contrário que do que pode parecer, NÃO significa pretender. Na verdade, significa fingir. É um termo que causa bastante confusão (e erros), principalmente quando se trata de planos futuros.

Exemplo

They were pretending to be rich. – Eles estavam fingindo ser ricos.

 

Se você quiser dizer que pretende ou tem intenções deo correto é usar to intend.

Exemplo

What are your plans for next weekend? – Quais são seus planos para o próximo final de semana?

I pretend (intend) to go to the movies. – Eu pretendo ir ao cinema.

 

Attend

Aqui é um caso que muitos já se confundiram (até já abordamos sobre esse falso cognato em outro artigo). O verbo Attend não tem nada a ver com atender. O significado mais comum é o de assistir, participar.

Exemplo

Last week, I attended a speech about technology. – Semana passada, eu assisti uma palestra sobre tecnologia.

Porém, caso precise dizer “atender” (o telefone, a porta etc.), as opções mais usadas são os verbos answer ou o próprio get, dependendo do contexto.

 

Actually

Esse, por exemplo, já me confundiu muito durante um certo tempo. Apesar de parecer bastante com atualmenteo significado de actually passa bem longe disso, já que ele significa: Na verdade; de fato, etc.

Exemplo

She’s not a bad person. Actually, she is more than that, she’s really mean. – Ela não é uma pessoa ruim. Na verdade, ela é mais do que isso, ela é realmente maldosa.

Se você quiser dizer expressar o sentido de “Atualmente“, o correto é usar: nowadays; currently; at present; now.

 

Enroll

Enroll = Enrolar? ERRADO!

Enroll tem um sentido completamente diferente do que parece. Na verdade, enroll significa matricular-se, inscrever-se. Ou seja, ele é empregado naquelas situações onde você quer se registrar em algum lugar, seja em  algum curso/faculdade/programa, etc.

Exemplo

I want to enroll my children in this summer program. – Eu quero matricular minhas crianças nesse programa de verão.

 

Prejudice

  • Prejudice = Prejudicar?
  • Prejudice = Prejuízo?
  • Prejudice = Prejudicial?

Não, nenhuma dessas opções está correta. Embora não pareça Prejudice significa preconceito.

Exemplo

Bullying can be caused by a prejudice against people who are different. – O bullying pode ser causado pelo preconceito contra quem é diferente.

Caso queira dizer prejuízo na língua inglesa, o mais correto seria usar os substantivos Loss e Harm. Já para prejudicial, o mais comum seria harmful, damaging.

 

Lunch

Se você está pensando que lunch é o mesmo que lanche/lanchar, ainda continua errado! Lunch é o mesmo que almoço

Exemplo

I can’t wait for the lunch anymore, I’m so hungry! – Eu não posso esperar mais pelo almoço. Eu estou com muita fome!).

Ou seja, você quer almoçar (e não lanchar). “Lanche“, aquela refeição ligeira, seria o famoso: snack.

 

Costume

“Costume” é aquela palavra que pode enganar FÁCIL quem não está acostumado com o seu correto significado. Diferente do que pode parecer, costume NÃO significa costume, mas sim fantasia

Exemplo

I need a costume for Halloween tonight. – Eu preciso de uma fantasia para o Halloween hoje à noite.

 

Se você quer dizer “costume” no sentido de “hábito”, aí seria simplesmente o: habit.  

Exemplo

Paulo has a habit to read every day. – O Paulo tem o hábito de ler todos os dias.

 

Pasta

Ao contrário do que muitos pensam, pasta, em inglês, não quer dizer pasta (objeto). Assim, não há relação alguma com aquele objeto usado para guardar papéis, documentos, etc.

Pasta significa massa (comida, alimento). Ou seja, macarrões, espaguetes, raviólis, lasanhas, etc.

 

Push/Pull

Por último, mas não menos importante, está um dos falsos cognatos que mais confunde a nossa cabeça, principalmente se você já viajou para fora do Brasil e se deparou com esses dizeres na porta de qualquer estabelecimento.

Push, ao contrário do que todo mundo espera, não significa puxar. É exatamente o contrário disso.

Enquanto que Pull, não significa pular, mas sim puxar!

  • Push: Empurrar
  • Pull: Puxar

 

Uma dica muito importante para assimilar bem as diferenças de significado desses falsos cognatos é sempre interpretar o contexto, ler bastante e, principalmente, treinar o seu uso correto, seja escrevendo ou falando. Quanto mais você praticar, mais comum será aplicar o uso correto dos termos. 🙂

Bons estudos!

Assine nossa Newsletter

Se junte a outros estudantes de inglês iguais a você e assine a newsletter para receber
artigos do Almanaque, perguntas da Sala e ficar informado da publicação de novas dicas de inglês.
Envio Semanal.

Você precisa está logado para deixar um comentário. Ainda não é membro, faça parte, é gratuito! :D

Logar ou Vantagens de ser PRO