Dicas para escolher a melhor escola/agência de intercâmbio

Estuda inglês mas tem dificuldade? Não sabe se seus estudos
estão surtindo efeito? Está na hora de você tentar o Inglês na Rede.

Tudo o que você precisa para colocar seu
inglês em prática e atingir fluência.

Seja um membro PRO ➜

Recentemente eu li um dica, na verdade, quase que um conselho da professora de inglês e minha xará Renata para as pessoas que pretendem ou irão fazer intercâmbio. Ela quis chamar a atenção das pessoas para algumas questões quando vamos fazer um intercâmbio.

Seu “conselho” me levou a pensar como as pessoas escolhem as agências de intercâmbios… E hoje trago a vocês algumas considerações que eu acho que você deve se fazer antes de escolher uma agência ou uma escola. Com tantas opções que temos hoje, tanto de preços como de locais e lugares, acredito que a tarefa de escolher a melhor agência ou o melhor local para fazer um intercâmbio está cada vez mais difícil para o estudante. Perguntas tais como: O que devemos levar em consideração na hora de escolher uma agência? Qual é a melhor escola? Qual é a melhor agência? Qual país é melhor para fazer um intercâmbio?, rondam as cabeças dos futuros intercâmbistas.

Porém, essas são apenas algumas das várias perguntas que temos, ou teremos quando vamos procurar uma agência/escola de intercâmbio. Minha intenção hoje é trazer algumas respostas para as principais dúvidas que a maioria dos intercâmbistas tem. Vamos lá!

 

garota na dúvida

 

Todos que me acompanham aqui no blog sabe que eu nunca viajei para o exterior, assim não teria muita experiência com agências e escolas para compartilhar com vocês nesse artigo. Por este motivo, para nos ajudar a responder as questões feitas acima, pedi ajuda a duas pessoas que tenho o prazer de conhecer e que possuem a experiência e informação necessária para compartilhar conosco quando o assunto é intercâmbio e viagens para o exterior.

Eles são respectivamente Marcelo Góes, que escreve no Blog do Intercâmbio e a intercâmbista Marina Motta do Blog Intercâmbio de A a Z, onde compartilha suas dicas de intercâmbio (atualmente considerado o melhor blog de intercâmbio de acordo com o site Ba.bla, além de já ter publicado um livro com dicas para intercâmbistas).

Marcelo e Marina são pessoas com bastante experiência em viagens para o exterior, Marina já chegou a fazer mais de 10 intercâmbios mundo a fora. E Marcelo, pelo que me recordo, voltou de uma viajem a Miami há alguns meses, sem contar no tempo que passou em um intercâmbio na Irlanda.

Pedi a Marcelo e a Marina dicas e sugestões para ajudar as pessoas a encontrar a melhor escola ou agência de intercâmbio e na dica de hoje irei compartilhar essas dicas com vocês. Sigam as dicas dos experts e boa sorte! Dúvidas, perguntas e sugestões deixem na área de comentários.

 

Como escolher a melhor escola/agência de intercâmbio?

Antes de compartilhar algumas dicas dos experts, primeiro quero responder a uma pergunta que vejo muitas pessoas fazerem em blogs de intercâmbio e redes sociais e acredito que Marcelo e Marina recebem essa pergunta frequentemente. Como escolher a melhor escola/agência de intercâmbio?

Vejamos o que Marcelo e Marina tem a dizer a respeito:

 

Marcelo Góes – A dica não é a melhor escola de intercâmbio, e sim sobre como consumir este tipo de produto que nesse caso é a “prestação do serviço”. Não se deve comprar preço e sim pesquisar o que realmente atende as suas necessidades (a do estudante).

Se ele prioriza a experiência mais do que a qualidade do ensino, tanto faz a escola que vai escolher. Mas se para o estudante é importante a qualidade do ensino, ele tem que pesquisar bem qual escola realmente vai lhe atender.

Fuja de escolas/agências que estão preocupadas em empurrar promoção. Este tipo de prática gera vários clientes descontentes uma vez que é difícil atingir a expectativa do consumidor.

 

Marina Motta – Evite escolher a escola levando SOMENTE em consideração o preço final. Assim como aqui no Brasil, existem vários tipos de escolas e universidades. Diferenças grandes de valor podem, muitas vezes, também determinar uma diferença enorme de qualidade dos professores, estrutura física e reconhecimento do seu diploma no retorno ao Brasil.

 

Eu concordo totalmente com Marina e Marcelo. E acrescento outra dica: geralmente algumas pessoas vão pelo preço, outras vão pela qualidade, eu acredito que a agência/escola ideal é um equilíbrio entre um bom preço e outras séries de requisitos como: estrutura, bons professores, plano de saúde, etc.

Não precisa necessariamente ser a melhor escola ou agência de intercâmbio do mundo, mais sim a que atenda as SUAS necessidades e principalmente o seu bolso. A agência/escola que consegui equilibrar isso tudo, essa sim é a melhor escola/agência de intercâmbio. 😀

 

Passo a passo – Escolha da escola/agência de intercâmbio

Logo abaixo um pequeno passo a passo para lhe ajudar a tomar a melhor decisão sobre qual escola ou agência de intercâmbio você deve escolher. Esse passo a passo não precisa ser seguido na ordem, mais acredito que todos são passos importantes antes de escolher a agência ou a escola que fará seu próximo intercâmbio.

 

  1. Observar quanto tempo cada aula tem realmente. Marina do Blog Intercâmbio de A a Z que nos dar essa dica . Algumas escolas fazem o uso de nomenclaturas para diferenciar seus cursos. Essa mudança faz com que a carga horária de cada curso também mudem. Assim, 1 hora/aula em um curso Basic, por exemplo, pode ter 45 minutos quando em um Standard, 1 hora/aula pode ter 60 minutos.
  2. Verificar quanto por cento de certa nacionalidade é aceita na escola ou instituição que irá estudar. Marina nos dar o exemplo de algumas instituições no Canadá, onde é aceito apenas 60% de brasileiros. O problema é que muitas vezes ao invés dos alunos evoluírem no idioma (inglês, por exemplo), eles acabam se agrupando e usando o idioma materno. Assim, quanto menos nativos de nossa própria língua na escola, melhor.
  3. Procure saber sobre quantidade de alunos por turma/sala. Algumas escolas vão limitar a quantidade de alunos por sala a oito ou dez alunos, outras não terão esse limite e, uma sala de aula com mais de 30 alunos pode representar menor aproveitamento das aulas para você.
  4. Atenção ao escolher a sua assistência médica internacional. Marina dar a dica para checar duas coisas importantes, elas são: a cobertura de seu plano médico e o sistema de utilização do mesmo. Ela ainda sugere que demos preferência aos planos que não se restrinjam a uma rede específica de hospitais ou planos que trabalhe APENAS com sistema de reembolso para internação ou enfermidades, pois esses não são recomendáveis.
  5. Para se locomover no país de seu intercâmbio, Marina dar a dica de pegar um taxi ou se quiser, uma opção ainda mais econômica, muitos aeroportos são interligados a transportes públicos (ônibus ou metrô) onde, é possível, muito facilmente chegar ao centro ou diretamente ao seu destino final.
  6. Sempre pense na possibilidade de acontecer algum problema. Podemos ficar doente, tem um problema de saúde ou algum imprevisto antes mesmo de sair do Brasil. Por isso, antes de bater o martelo sobre a agência ou a escola de intercâmbio, cheque as regras de cancelamento, principalmente as multas e o prazo delas. Cancelar a viajem com antecedência custa muito menos que cancelar com dias ou mesmo horas antes da viajem.
  7. Para encerrar, cito agora a dica da professora Renata para os estudantes:

Pesquise bastante, entre em contato com outras pessoas que já viajaram, pergunte mesmo, procure PROCON para ver se a Agência que está te levando não tem nenhuma investigação ou no site Reclame Aqui que é outra fonte muito boa de informação sobre empresas em geral.

Acredito que seja só pessoal! Tenho certeza que essas dicas, sugestões e considerações irão lhe ajudar a fazer a melhor da escola ou agência de intercâmbio.

Quero apenas agradecer ao Marcelo Góes e a Marina Motta pelas dicas, tenho certeza que serão muito úteis aos estudantes. Também quero agradecer a instituição LSBM (London School of Business and Management) pelas imagens usadas nesse artigo.

Hope see you guys in next tip! Cya folks! 😀

 

Links que você deve visitar

Assine nossa Newsletter

Se junte a outros estudantes de inglês iguais a você e assine a newsletter para receber
artigos do Almanaque, perguntas da Sala e ficar informado da publicação de novas dicas de inglês.
Envio Quinzenal.

Você precisa está logado para deixar um comentário. Ainda não é membro, faça parte, é gratuito! :D

Logar ou Seja PRO ➜