O deus grego do mar, Proteu, era (como o mar), capaz de mudar de forma rapidamente. Para conseguir alguma informação dele, era necessário agarrá-lo firmemente enquanto ele mudava de forma. Ele se transformava em leão, javali, cobra, árvore, riacho, não era tarefa fácil.

O verbo “To be” em inglês, como o deus Proteu citado acima, é tido como o verbo mais proteico da língua inglesa, pois está constantemente mudando de forma, na maioria das vezes, sem muito padrão ou mesmo organização.

Como seu uso abrange desde uma simples afirmação até construções de frases no tempo passivo, formas progressivas (ou contínuas) em inglês e na formação dos chamados Tag Questions, entre outros usos e curiosidades, fica difícil para o estudante de inglês que inicia entender por completo o verbo to be.

Por isso, para facilitar o entendimento da formação e uso desse verbo em seus tempos verbais e contextos, decidimos organizar como ele será apresentado no Almanaque. Nesse artigo você terá uma explicação básica e direta da formação e uso do verbo to be em sua forma mais simples possível.

Se desejar se aprofundar nos outros contextos onde o verbo é utilizado, recomendamos o índice logo abaixo.

É importante lembrar que nem todos os artigos do índice abaixo foram publicados. Por isso se o artigo que deseja ler ainda não está disponível, recomendamos voltar em outra hora e verificar se já está disponível ou assinar a newsletter do Blog Inglês na Rede e ficar informado via e-mail. =)

 

É importante mencionar também que embora queira se aprofundar, o estudo da formação e uso explicados neste artigo são mais que suficientes para que entenda como o verbo to be é usado em inglês.

Índice

  • Forma Progressiva
  • Tag Questions
  • Verbo to be com advérbios
  • Uso desnecessário do verbo To be
  • Verbos confusos com “be
  • Tempo passivo com o verbo to be

 

Formação do Verbo To be

A formação do verbo To be  no presente simples em inglês, como em português, é feita através de dois componentes ou partes, eles são:

Pronome pessoal + verbo to be

 

Essa formação pode mudar dependendo do pronome pessoal usado e do tempo verbal escolhido. Para facilitar o entendimento, veja o exemplo abaixo, onde poderá ver o uso do verbo com pronomes pessoais diferentes.

Forma Afirmativa
I am we are
you are you are
he, she, it is they are

 

Forma Negativa

A forma negativa do verbo to be é feita acrescentando a palavra not após o verbo, veja a estrutura abaixo:

Pronome pessoal + verbo to be + not

Forma Negativa
I am not we are not
you are not you are not
he, she, it is not they are not

 

Forma Interrogativa

Para criar perguntas com o verbo to be em inglês, é necessário que inverta a posição do verbo, colocando o verbo no tempo verbal correto no início da frase, depois o pronome pessoal usado e por final o restante da pergunta com o ponto de exclamação.

Ver to be + Pronome pessoal + frase?

Forma Interrogativa
Am I? Are we?
Are you not? Are you not?
Is he, she, it? Are they?

 

Uso do Verbo To be

Como mencionado no início deste artigo, dependendo do contexto, o verbo To be pode possui muitas variações de uso. Ele pode mudar bastante de forma e significado, porém, geralmente, usamos esse verbo quando queremos expressar a identidade, a qualidade ou a condição de alguém ou de alguma coisa.

Outro ponto importante é que na maioria dos casos, o verbo to be sempre vem acompanhado de um verbo. Entretanto, em algumas situações, ele vem sozinho, principalmente em respostas curtas.

Exemplos

Para entender como o verbo to be é usado, nada melhor que alguns exemplos simples. Abaixo você verá frases no tempo simples em inglês.

  • I am a good person. – Eu sou uma pessoa boa.
  • Are they there? – Eles estão lá?
  • She is not a teacher. – Ela não é professora.
  • It is not here. – Não está aqui.
  • We are Brazilian workers. – Nós somos trabalhadores brasileiros.
  • He is an awesome person. – Ele é uma pessoa maravilhosa.
  • You are not doing right thing. – Você não está fazendo o correto.

 

Para encerrar, a escolha da formação do verbo que será usado, terá que ser escolhida com cuidado. Pronomes no singular, pedem verbos no singular, da mesma forma que pronomes no plural, pedem verbos no plural. Essa diferença é importante por que, em inglês, às vezes, não é tão claro qual é a concordância correta para algum tipo de sujeito.